-
Igreja Universal do Reino de Deus terá que indenizar pastor obrigado a fazer vasectomia


PÁGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLÍTICA  |  RELIGIÃO  |  POLICIAL  |  ARQUIVO DE NOTÍCIAS  |  CONTATO
 




26/12/2015

Igreja Universal do Reino de Deus terá que indenizar pastor obrigado a fazer vasectomia


A 5ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça paulista condenou Igreja Universal do Reino de Deus a indenizar um pastor e sua família, agredidos e expulsos de casa sob acusação de apropriação indevida de valores. O pastor teria ainda sido obrigado a se submeter à cirurgia de vasectomia como condição para exercer o ministério. O pastor e seus familiares receberão R$ 150 mil a título de danos morais.

 

As informações foram divulgados no site do Tribunal de Justiça de São Paulo (Apelação nº 0076052-11.2008.8.26.0114).

 

De acordo com o processo, o pastor e os familiares teriam sido retirados à força do imóvel após participarem de reunião com bispo da igreja. A ação indenizatória foi julgada parcialmente procedente, razão pela qual a instituição recorreu.


A ação indenizatória foi julgada parcialmente procedente, razão pela qual a Igreja Universal do Reino de Deus recorreu

 

Ao julgar o recurso, o desembargador Erickson Gavazza Marques entendeu presentes “os elementos que comprovavam a prática de atos ilícitos” e manteve a condenação, mas reduziu o valor arbitrado em primeira instância – a sentença havia determinado pagamento de R$ 500 mil a cada autor.

 

“Restando demonstradas nos autos as injustas agressões praticadas pelos prepostos da requerida (Universal), bem como a imposição de vasectomia a seus pastores, presentes estão os elementos essenciais da obrigação de indenizar, sendo que o desfecho da presente ação não poderia ser outro, senão o acolhimento do pedido de reparação pela ofensa moral experimentada pelos autores. Considero adequada a redução do quantum indenizatório, a título de danos morais, para o montante de R$ 50 mil para cada um dos autores”, concluiu o magistrado.

 

Gavazza Marques determinou, ainda, a remessa dos autos ao procurador-geral de Justiça para apuração de eventual prática de esterilização generalizada praticada pela igreja.

 

Os desembargadores Mônaco da Silva e James Siano também participaram do julgamento – Estadão.

 

COM A PALAVRA, A IGREJA UNIVERSAL:

 

“Com referência à recente decisão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) no processo n° 0076052-11.2008.8.26.0114, a Igreja Universal do Reino de Deus esclarece que a acusação nele contida, de imposição de vasectomia a pastores da igreja, é desmentida facilmente pelo fato público e notório de que grande parte de nossos bispos e pastores tem filhos.

 

A Universal entende que o planejamento familiar é um tema que deve ser debatido exclusivamente pelo casal, e a instituição não interfere na questão, que é de absoluto foro íntimo de cada marido e cada esposa.

 

A Igreja recorrerá da decisão judicial.

 

Atenciosamente,

 

UNIcom – Departamento de Comunicação Social e de Relações Institucionais da Universal

 

Portal Carlos Magno



VEJA TAMBÉM:


- Mãe confessa como matou o filho: “Paulistinha agarrou ele pelas costas e Xana golpeou de faca; eu ainda vi ele ciscando”


-Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido


- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes


-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Católicos de Campina Grande terão espaço próprio para realizar ECC e outros encontros da igreja






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Político
 Cel. (83) 99993-6070 / (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno