-
FIM DO MISTÉRIO: "Menino Anjo" do desastre da Chapecoense é identificado e conta como foi fundamental ao ajudar nas buscas


PGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLTICA  |  RELIGIO  |  POLICIAL  |  ARQUIVO DE NOTCIAS  |  CONTATO
 




07/12/2016

FIM DO MISTÉRIO: "Menino Anjo" do desastre da Chapecoense é identificado e conta como foi fundamental ao ajudar nas buscas


Na noite de terça-feira, em Medellín, na Colômbia, o adolescente Johan Alexis Ramíres e seu pai, Miguel, ouviram um barulho alto perto de casa, no município de La Union, e resolveram agir. Foram eles que ajudaram os bombeiros a encontrar o melhor caminho na mata onde terminou o trágico voo da Chapecoense.

 

"Estavam abrindo caminho pelo morro. Mas assim demoraria e dissemos que havia um jeito mais fácil e mais rápido", contou ao jornal El Colombiano o adolescente de 15 anos, que chegou a participar ativamente da localização do goleiro Jackson Follmann, um dos seis sobreviventes.


O adolescente Johan Alexis Ramíres, de 15 anos (no destaque), ou o "Menino Anjo", como ficou conhecido, participou ativamente da localização do goleiro Jackson Follmann, um dos seis sobreviventes

 

O menino-anjo, como ficou conhecido entre as equipes de resgate, por pouco não foi impedido de ajudar nos trabalhos por um policial, que ao ver Ramíres e seu pai, Miguel, aproximando-se da aeronave tentou pará-los, acusando-os de tentarem roubar objetos dos passageiros. "Mas um bombeiro discutiu com ele e afirmou que estávamos colaborando", explicou o garoto.

 

O herói adolescente do voo da Chapecoense chegou a ser chamado pela imprensa colombiana de menino-fantasma. Ele foi encontrado e ganhou nome próprio graças ao jornal El Colombiano, encerrando o mistério que pairava entre os bombeiros, que não sabiam explicar quem era aquele rapaz que tanto ajudou no resgate dos sobreviventes do voo da Lamia ?" Veja.

 

Portal Carlos Magno



VEJA TAMBÉM:


Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido


- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"


- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes


-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Poltico
 Cel. (83) 99993-6070 / (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno