PÁGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLÍTICA  |  RELIGIÃO |  POLICIAL  | ARQUIVO DE NOTÍCIAS  | CONTATO
 




06/01/2017

Prefeitura de Campina Grande vai reajustar IPTU 2017 em 6,99% e quer arrecadar R$ 40 milhões com o tributo


Será de 6,99% do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), o reajuste do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU) de Campina Grande para 2017. A previsão da Secretaria de Finanças do Município é de que a partir de 20 de janeiro tenha início a distribuição de 140 mil carnês para a quitação do tributo.

 

O reajuste está sendo quase 4% a menos do que o praticado em 2016, que foi superior a 10%. O IPTU, segundo o gerente de Administração Tributária da Sefin, Leônidas Maciel, é a soma dos valores dos terrenos, as construções e a tarifa referente à coleta dos resíduos sólidos.


A Secretaria de Finanças da Prefeitura de Campina Grande projeta uma arrecadação para este ano, com o pagamento do IPTU, de aproximadamente R$ 40 milhões. Em 2016, a previsão foi de R$ 33 milhões

 

A exemplo do que já ocorreu em anos anteriores, os contribuintes poderão pagar o IPTU 2017 em cota única com desconto de até 10%, ou fazer o recolhimento do imposto de forma parcelada em até dez vezes. Com o parcelamento, o contribuinte não tem o benefício do desconto. A Secretaria de Finanças projeta uma arrecadação para este ano de aproximadamente R$ 40 milhões. Em 2016, a previsão foi de R$ 33 milhões, mas apenas R$ 16 milhões entraram nos cofres da Prefeitura.

 

A inadimplência em relação ao IPTU em Campina Grande continua elevada, em torno de 50%. A cobrança dos débitos incluídos na Dívida Ativa do Município é de competência da Procuradoria Geral do Município.

 

Campina Grande tem hoje em sua planta genérica 164 mil imóveis entre terrenos e edificações. Em 2017 o IPTU está sendo calculado de acordo com o valor do metro quadrado em vigor em cada bairro ou sede distrital do município.

 

Leônidas Maciel informou que, de acordo com o novo Código Tributário do Município, a alteração da taxa de coleta de resíduos sólidos só entrará em vigor no exercício de 2018. ||aspas||Atualmente o valor arrecadado com a taxa ultrapassa os R$ 3 milhões, mas o custo do serviço é seis vezes mais caro||aspas||, salientou.

 

Segundo ele, ainda em 2017 a Prefeitura estará fazendo a atualização do Cadastro Imobiliário do município, visando o incremento da arrecadação do IPTU e para que seja feita a justiça tributária em Campina Grande.

 

Continuam isentos do pagamento do IPTU os imóveis com apenas 60 metros quadrados de área construída, viúvas com apenas um imóvel e com ganho de um salário, instituições filantrópicas e órgãos públicos. Os isentos pagam apenas a taxa de coleta de resíduos sólidos ?||aspas|| A União.

 

Portal Carlos Magno



VEJA TAMBÉM:


Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido


- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a ||aspas||Maria Suvacão||aspas||


- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes


-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber ||aspas||quais pessoas se importariam com sua ausência||aspas|| e vem a público pedir desculpas






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Pol?ico
 Cel. (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno