PÁGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLÍTICA  |  RELIGIÃO |  POLICIAL  | ARQUIVO DE NOTÍCIAS  | CONTATO
 




31/05/2017

Operação Gabarito: Polícia prende pai e filha em João Pessoa e apreende laudos, atestados e outros documentos falsos


A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) de João Pessoa, em continuidade às investigações, deflagrou, nesta terça-feira (30), a terceira fase da Operação Gabarito, com a participação de 20 policiais de diversas Delegacias.

Os policiais deram cumprimento a 16 mandados de busca e apreensão nas residências de investigados, situadas nos bairros: Portal do Sol, Seixas, Miramar, Valentina Figueiredo, Mangabeira e Centro de João Pessoa e Cabedelo.



De acordo com o delegado Lucas Sá, durante a ação foram apreendidos documentos relacionados a concursos públicos, atestados médicos, laudos periciais em branco (referentes a Prefeitura de Santa Rita) e documentos relacionados a licitações públicas do estado de Alagoas.

No cumprimento dos mandados de busca e apreensão foram presos parentes de investigados. Foram presos: WLeal da Silva, de 72 anos (preso por posse ilegal de arma de fogo) e a filha dele Yanyara Pessoa Leal, estudante de Direito, de 39 anos, que se apresentou como advogada e foi autuada pelo crime de falsa identidade. Com os suspeitos foram apreendidas armas brancas e uma arma de fogo com 10 munições.

A terceira fase da Operação Gabarito tem como objetivo principal a análise do material apreendido e a identificação de membros da organização criminosa que ainda estejam em liberdade. Durante esta fase foram encontrados documentos como: planilhas de valores de cargos públicos, o planejamento para o ano de 2017 (concursos futuros que seriam fraudados) e planilhas com o nome de diversos candidatos e membros da organização criminosa.

"A Polícia Civil vai encaminhar todas as provas apreendidas à Justiça, com o relatório de análise e individualização das condutas de todos os membros da organização criminosa identificados. Até o presente momento a Polícia Civil já identificou mais de 100 pessoas envolvidas diretamente nas fraudes em concursos públicos em diversos estados do Brasil e encontrou provas que indicam que mais de 1000 pessoas foram beneficiadas pelo esquema criminoso (candidatos)", afirmou o delegado Lucas Sá - Secom-PB.

Portal Carlos Magno

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Pol?ico
 Cel. (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno