PÁGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLÍTICA  |  RELIGIÃO |  POLICIAL  | ARQUIVO DE NOTÍCIAS  | CONTATO
 




21/08/2017

Jerry Lewis, o Rei da Comédia, morre aos 91 anos. Comediantes, artistas e público lamentam


Jerry Lewis, conhecido como o "Rei da Comédia", morreu aos 91 anos, em sua casa, neste domingo (20), em Las Vegas, nos EUA, de causas ainda não confirmadas. O humorista também foi ator, cantor e diretor.

Ao longo da carreira, iniciada em 1949 e que lhe rendeu duas estrelas em calçadas da fama, além de um Oscar por suas causas humanitárias, em 2009, foi visto em aproximadamente 50 filmes.



Há três dias, o humor já havia perdido Paulo Silvino, aos 78 anos, de câncer. Já em 2016, outro ícone da comédia mundial morreu aos 83 anos: Gene Wilder, o Willy Wonka da primeira versão de "A Fantástica Fábrica de Chocolate".

Hassum lamentou morte do humorista

Já em 2013, o americano esteve na comédia brasileira "Até que a Sorte nos Separe 2", no qual contracenou com Leandro Hassum. "Muito triste", escreveu o brasileiro ao compartilhar foto autografada pelo ídolo e um vídeo, no qual mostra a tatuagem feita em homenagem ao artista. Quem também lamentou a morte foi Mateus Solano: "Mais uma gigantesca referência do meu trabalho que se vai". Lewis enfrentou diversos problemas de saúde como cirurgia cardíaca, remoção de câncer de próstata e paralisia parcial no rosto, decorrente de tratamento contra doença pulmonar.

Relembre a carreira de Jerry Lewis

Nascido em 16 de março de 1926 em Nova Jersey, o comediante também passou pela TV e teatro chegando a formar dupla com Dean Martin. Já ao seguir em carreira solo estrelou clássicos da comédia como "O Professor Aloprado", "O Mensageiro Trapalhão", "O Bagunceiro Arrumadinho" e "Rabo de Foguete", todos nos anos 1960. Em 1952, se engajou em prol de crianças portadoras de distrofia muscular e criou o "Telethon", do qual se afastou em 2011. Esse trabalho lhe rendeu indicação, em 1977, ao prêmio Nobel da Paz.

Câncer matou Luiz Melodia e Jerry Adriani

A mesma doença que vitimou Paulo Silvino tirou a vida de dois cantores neste ano. Em abril, o ícone da Jovem Guarda perdeu a luta contra um tumor no pâncreas, aos 70 anos. Jerry Adriani ficou conhecido por interpretar "hits" como "Doce Doce Amor". Já um câncer de medula matou, aos 66 anos, Luiz Melodia, intérprete de "Pérola Negra" - Purepeople.

Portal Carlos Magno


VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Pol?ico
 Cel. (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno