....
....

10/12/2017

Polícia frustra ação criminosa e prende dupla suspeita de arrombar clínica e comércio em João Pessoa


A Polícia Militar prendeu, em flagrante, dois suspeitos de violar uma clínica médica e um estabelecimento comercial, na última sexta-feira (8), nas proximidades do Centro, em João Pessoa. A ação dos suspeitos foi registrada pelo circuito interno de câmeras de segurança.

Durante a realização de rondas, policiais da 5ª Companhia do 1º Batalhão foram acionados pelo Centro Integrado de Operações Policiais (Ciop) e informados que um estabelecimento comercial na esquina da Avenida Camilo de Holanda com a Maximiano de Figueiredo, havia sido violado por dois homens. Durante a chegada ao estabelecimento, os suspeitos não foram encontrados, mas nenhum objeto havia sido levado do local.



Em seguida, outro acionamento via Ciop informou sobre um arrombamento, desta vez em uma clínica médica na Avenida Camilo de Holanda, ainda naquela região. A ação da PM prendeu, em flagrante, os dois suspeitos de violarem a clínica e as imagens gravadas no primeiro estabelecimento ajudaram a polícia a identificarem os criminosos como os autores da primeira ação.

Os dois suspeitos, que têm 34 e 35 anos, foram encaminhados para a Central de Flagrantes, no bairro do Geisel.

Suspeito preso por furto - Ainda na madrugada da sexta-feira (8), por volta das 0h20, a PM prendeu, em flagrante, um homem suspeito de arrombar outra clínica médica no Centro e furtar aparelhos do local. Com o suspeito, os policiais recuperaram uma televisão, um notebook e um aparelho micro-ondas. O homem foi apresentado na Central de Flagrantes - Secom-PB.

Portal Carlos Magno


VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas