PÁGINA INICIAL  |  BIOGRAFIA  |  GERAL  |  POLÍTICA  |  RELIGIÃO |  POLICIAL  | ARQUIVO DE NOTÍCIAS  | CONTATO
 




21/03/2018

Preso em São Bento-PB manteve esposa e filha em cárcere privado por 5 anos. Pedagoga, ela teve a filha há 2 anos dentro do cárcere


A Polícia Civil da cidade de São Bento, no Sertão paraibano, prendeu em flagrante delito, na tarde desta terça-feira (20), Francisco Flavio Miranda de Carvalho, 58 anos. Ele é suspeito de cometer o crime de cárcere privado, praticado por cinco anos contra a mulher, uma pedagoga de 29 anos e a filha do casal, uma criança de dois anos.

A polícia descobriu o caso por meio de uma ligação feita pela própria vítima. A mulher teve acesso a um aparelho celular que foi jogado por uma vizinha para o quintal da casa de Francisco Flavio quando ele não estava em casa. A vizinha decidiu fazer isto porque, segundo ela, ouvia muitos barulhos e choros de criança e como a residência sempre estava fechada ela desconfiou que algo errado estava acontecendo.



Quando os policiais chegaram à casa encontraram a pedagoga e a filha trancadas e sem comida. A mulher disse que a filha nasceu durante o cárcere privado e por isso não foi registrada e que as duas sofriam com frequência agressões físicas praticadas por Francisco Flavio. Ele também não comprava comida para as vítimas e nas raras vezes que elas saíram de casa para ir ao médico estavam cobertas por lençóis e acompanhadas pelo suspeito.

O exame de corpo de delito comprovou as agressões sofridas pela mulher e pela filha. "Durante o depoimento a pedagoga disse que não podia ter contato com a família dela que vive em Pernambuco e que quando o investigado saía de casa cortava a energia e ameaçava matar ela se contasse o que estava acontecendo para alguém. Alguns vizinhos que moram na localidade há três anos informaram que nunca viram as vítimas fora de casa", falou o delegado responsável pela investigação, Sheldon Andrius.

Depois de ser ouvida, a pedagoga foi liberada. Já Francisco Flavio foi encaminhado para a carceragem da delegacia e será apresentado ao juiz, que vai determinar se a prisão em flagrante será transformada em preventiva e o investigado levado para Cadeia Pública de São Bento - Secom-PB.

Portal Carlos Magno


VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas






 


 


 
Política, bastidores da campanha, atuação jornalística: veja entrevista de Carlos Magno ao Ponto a Ponto da TV Itararé
 

 

.......................................................


www.carlosmagno.com.br

             Jornalista
 Apresentador
 Comentartista Pol?ico
 Cel. (83) 98720-7870
 e-mail:
contato@carlosmagno.com.br
 Facebook: www.facebook/jornalistacarlosmagno
 Twitter: @magnopb
 Instagran: @jornalistacarlosmagno