....
....

26/05/2018

ELEIÇÕES 2018: Dilma desbanca Aécio e lidera disputa pelo Senado de Minas Gerais


Na disputa por uma vaga no Senado Federal por Minas Gerais, quem lidera a corrida é a ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Segundo sondagem divulgada nesta sexta-feira (25) pelo Instituto Paraná Pesquisas, a petista, que tem 24,4% das intenções de voto, bate o tucano Aécio Neves, com 21%.

Em terceiro lugar aparece Mauro Tramonte (PRB), com 15,7%, seguido por Rodrigo Paiva (Novo) (13,7%) e Jô Moraes (PCdoB) (11,9%).



A pesquisa ouviu 1.850 eleitores do estado de Minas entre os dias 18 e 23 de maio. O nível de confiança do levantamento é de 95% para uma margem de erro de aproximadamente 2,5% para mais ou para menos.

VEJA O DESEMPENHO DOS CANDIDATOS AO SENADO DE MINAS

Dilma Rousseff - 24,4%

Aécio Neves - 21%

Mauro Tramonte - 15,7%

Rodrigo Paiva - 13,7%

Jô Moraes - 11,9%

Carlos Viana - 11,4%

Dinis Pinheiro - 9,1%

Bruno Siqueira - 8,5%

Jaime Martins - 6%

Nenhum - 18,6%

Não sabe - 5,8%

Disputa pelo governo

O Paraná Pesquisas também sondou a intenção de voto pelo governo estadual. Quem lidera em todos os cenários traçados é o senador Antônio Anastasia (PSDB), com 25,9%.

Atrás do tucano está o atual governador de Minas, Fernando Pimentel (PT), que foi denunciado nesta semana pela Procuradora-Geral da República (PGR) pelos crimes de omissão e falsidade na prestação de contas da campanha eleitoral de 2014, com 19,9%. Quem ocupa o terceiro lugar é Marcio Lacerda (PSB), com 11,3% - Exame.

Portal Carlos Magno


VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas