....
....

06/06/2019

Polícia prende mulher flagrada espancando o próprio filho, um bebê de dois anos, na região metropolitana de João Pessoa


Uma mulher foi presa pela Polícia Civil nesta quarta-feira (5), após ser flagrada por câmeras agredindo o próprio filho, um bebê de dois anos de idade, e outra criança de dez anos. O caso aconteceu na cidade de Santa Rita, na região metropolitana de João Pessoa. Marcela Bianca dos Santos Correia, 23 anos, foi presa em flagrante delito por equipes da Delegacia de Atendimento à Mulher de Santa Rita.

 

De acordo com a delegada Paula Monalisa Pinho, o caso foi denunciado pelo pai do bebê, que está em processo de separação de Marcela. “Ele saiu de casa há 15 dias e pediu o divórcio, mas as duas crianças ficaram com a suspeita. O marido instalou câmeras na casa e, por meio do celular, conseguiu captar imagens da mulher agredindo ferozmente as duas crianças, inclusive o bebê”, afirmou a delegada.



 

Ao tomar conhecimento das imagens e das denúncias, a delegada determinou que a equipe de investigação da delegacia saísse em diligências para localizar e prender Marcela. Ela foi trazida para a Delegacia e não negou a prática dos crimes. “Ela disse que está muito abalada emocionalmente com o fim do casamento, mas isso não justifica a agressão praticada contra as crianças. Foi autuada em flagrante delito por crime de maus tratos na forma de agressões física e verbais”, declarou Paula Monalisa.

 

A presa foi submetida a exame de corpo de delito e encaminhada para a carceragem  da Central de Polícia, no bairro do Geisel, em João Pessoa. O caso foi denunciado também ao Conselho Tutelar, que está acompanhado as investigações.  As crianças ficarão sob a responsabilidade do marido de Marcela – Secom-PB.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas