....
....

09/10/2019

Em dois meses de atuação, Batalhão de Motos já prendeu 70 suspeitos de crimes e apreendeu 12 armas de fogo na Paraíba


O Batalhão Especializado em Policiamento com Motocicletas (BEPMotos) completou dois meses de atuação com um resultado de 70 prisões de envolvidos em vários tipos de crimes, 12 armas de fogo apreendidas, 320 comprimidos psicotrópicos, 210 papelotes de maconha, 108 de cocaína e 339 pedras de crack, nas abordagens e incursões realizadas a bordo das motos, na região metropolitana de João Pessoa.

 

O comandante do BEPMotos, major Luiz Antônio, disse que, além do número de prisões e apreensões que vêm contribuindo para o combate à criminalidade, o Batalhão vem promovendo a sensação de segurança com o aumento das rondas. “Principalmente nos corredores urbanos e nas ruas paralelas, em horários orientados pela estatística e inteligência. É um trabalho que estamos nos esforçando para melhorar a cada dia, para promover uma maior sensação de segurança às pessoas e isso também tem surtido um efeito positivo”, destacou.



 

O Batalhão Especializado de Policiamento com Motocicletas (BEPMotos) foi inaugurado pelo governador João Azevêdo no dia 5 de agosto, como parte das comemorações do aniversário de 434 anos de João Pessoa. A unidade, que fica localizada na Avenida Epitácio Pessoa, na Capital, atua de duas formas fundamentais: motopratulhamento tático, com ações de combate aos mais diversos tipos de crimes, e motropatrulhamento comunitário, trazendo mais visibilidade e cobertura ao policiamento nas principais vias das cidades, promovendo sensação de segurança e prevenção.

 

O BEPMotos tem proporcionado mais agilidade nas ações por causa da mobilidade que as motos garantem. O Batalhão unificou todas as modalidades de policiamento com motos, sendo um grande aliado para alcançar resultados ainda melhores dentro do Programa Paraíba Unida pela Paz – Secom-PB.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas