....
....

17/04/2020

Paraíba atinge 91% de cobertura dos idosos na primeira fase de vacinação contra gripe, com mais de 400 mil doses aplicadas


A Paraíba atingiu 91% de cobertura dos idosos na primeira fase da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. Foram aplicadas 419.702 doses da vacina em idosos e 82.718 doses (88,23%) em trabalhadores de saúde. A meta é vacinar, pelo menos, 90% de cada grupo prioritário até o dia 22 de maio. O dia “D” de mobilização nacional para a vacinação acontece no sábado, dia 9 de maio.

 

“É importante lembrar que os idosos e trabalhadores de saúde que ainda não se vacinaram podem procurar os serviços de saúde, porque esses públicos continuam sendo prioritários. A vacinação continua para esses grupos, mesmo que tenha passado do dia limite da primeira fase”, explicou a chefe do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga.



 

Segunda fase

 

Nesta quinta-feira (16), começa a segunda fase, quando serão imunizados os profissionais das forças de segurança e salvamento, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (pacientes devem apresentar laudo ou receita médica para comprovar), funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, caminhoneiros, motoristas de transporte coletivo e portuários.

 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) deu início nesta segunda-feira (13) à distribuição do primeiro lote de vacinas para a segunda fase. “Até o momento, 108 mil doses já foram repassadas para as Gerências Regionais de Saúde para esta segunda fase da Campanha. Cada município deverá ter estratégias para que os grupos prioritários tenham acesso à vacinação e evitar aglomeração”, informou a chefe do Núcleo de Imunização da SES, Isiane Queiroga.

 

Na terceira fase da Campanha, prevista para começar no dia 9 de maio, serão vacinados professores, crianças de seis meses a menores de seis anos, grávidas, mães no pós-parto, população indígena, pessoas acima de 55 anos e pessoas com deficiência.

 

Vacinação antecipada

 

Neste ano, o Ministério da Saúde antecipou o início da campanha contra a gripe, de abril para março, para proteger os públicos prioritários. Esta vacina não tem eficácia contra o coronavírus, porém, neste momento, auxilia os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico da gripe, já que os sintomas são parecidos, para chegar mais rapidamente à conclusão do diagnóstico de coronavírus. E ainda ajuda a reduzir a procura por serviços de saúde – Secom-PB.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas