....
....

25/12/2020

Padrasto mata o enteado de 18 anos ao impedi-lo de entrar em casa na véspera do Natal por causa da Covid-19


A véspera de Natal foi marcada por uma ocorrência trágica no Bairro Novo Riacho, em Contagem, na Grande Belo Horizonte. Um jovem de 18 anos foi morto pelo padrasto, de 53, após uma briga.

 

Segundo a Polícia Militar (PM), o crime ocorreu no fim da tarde dessa quinta-feira. Familiares afirmam que o rapaz tinha envolvimento com drogas e furtos. A irmã da vítima diz que ele chegou muito alterado na casa e queria entrar, mas foi impedido pelo padrasto porque a mãe tem problemas de saúde que a colocam no grupo de risco para a Covid-19.

 

Revoltado, ele pegou um azulejo e tentou agredir a mãe e a irmã. Ele teria chegado a empurrá-las e o padrasto interveio. Nesse momento, o homem pegou uma faca e golpeou o enteado.

 

Quando a polícia chegou ao local, o jovem estava sem sinais vitais. A morte foi confirmada pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Foram seis perfurações de faca na região do peito.

 

Ainda segundo a PM, a mãe deu a mesma versão da filha e do padrasto, que foi preso e encaminhado à Delegacia de Plantão de Contagem.

 

Nesta manhã, a assessoria de imprensa da Polícia Civil informou que o suspeito foi preso em flagrante e encaminhado ao sistema prisional. A instituição instaurou um inquérito para investigar o caso. Até as 11h17 desta sexta o corpo da vítima ainda não havia sido liberado do Instituto Médico Legal (IML) de BH – EM.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas