....
....

28/12/2020

Jovens que morreram carbonizadas após acidente em Campina teriam bebido em bar e discutido momentos antes


As primeiras investigações da polícia sobre os motivos do acidente fatal que vitimou duas jovens em Campina Grande, na madrugada deste domingo (27), apontam que elas teriam estado em um bar e que teria havido uma discussão entre ambas, na saída do estabelecimento, momentos antes de elas deixarem o local em um veículo Gol.

 

Testemunhas disseram ter visto o veículo passando em alta velocidade nas proximidades da Vila do Artesão, na Avenida Almeida Barreto, bem próximo ao local do acidente. A informação foi confirmada pela Rádio Arapuan FM.



 

Jéssica Freire Alves, de 30 anos; e Bárbara Juliane da Silva Paulino, de 28 anos, morreram carbonizadas, após o veículo em que estavam ter batido em um poste. Após a colisão o veículo capotou e caiu de um “paredão”, na “Estação Nova”, no bairro do Centenário. Com a queda, o carro explodiu e as jovens morreram carbonizadas.

 

A polícia ainda não sabe as causas do acidente, o que, segundo o Corpo de Bombeiros, só será esclarecido após finalização da perícia. De acordo com a reportagem da Arapuan FM, as jovens poderiam ter continuado a discussão no carro, o que poderia ter ocasionado a perda de controle da que estava dirigindo, provocando a colisão com o poste.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas