....
....

25/03/2021

Ícone da imprensa paraibana, morre em Campina Grande o jornalista Juarez Amaral, vítima da Covid-19


Morreu na madrugada desta quinta-feira (25) em Campina Grande o jornalista Juarez Amaral de Medeiros, aos 70 anos, de complicações decorrentes da Covid-19. Ele estava internado no Hospital Pedro I desde a última quarta-feira (17), quando deu entrada na unidade hospitalar no final da tarde, após passar mal enquanto fazia a sua habitual caminhada no Açude Velho.

 

Ao ser socorrido por uma unidade do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência – SAMU, Juarez passou por exames e um deles, uma tomografia, constatou um comprometimento de 75% a 80% dos seus pulmões. De imediato, ele foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva – UTI e entubado.



 

No dia seguinte, seu estado de saúde melhorou, o que animou a equipe médica. Mas depois vieram as complicações, que acabaram por ocasionar a sua morte nesta terça.

 

Juarez Amaral trabalhou na TV Borborema, TV Paraíba e rádios Caturité AM, Cidade AM de Esperança, Arapuan FM e, atualmente, atuava na Rádio Web Estação Campina, sempre comandando o Jornal de Verdade, programa radiofônico criado por ele há mais de 40 anos.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas