....
....

12/04/2022

Após jantar com Lula, Veneziano aceita convite do petista e participa do Acampamento Terra Livre, em Brasília


Atendendo convite do pré-candidato do PT à presidência da República, Luis Inácio Lula da Silva, o Vice-presidente do Senado Federal e pré-candidato a governador da Paraíba, senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), participou nesta terça-feira (12), em Brasília, do Acampamento Terra Livre. O ato, realizado na Funarte, no Eixo Monumental, é coordenado pela Articulação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib).

 

Na noite desta segunda-feira (11), na companhia da senadora Nilda Gondim (MDB-PB), Veneziano participou de um jantar, a convite de Lula, na residência do ex-senador Eunício Oliveira, também em Brasília. Durante o jantar, Nilda, Veneziano e Lula falaram sobre política, realidades do Brasil e assuntos relacionados ao pleito deste ano.



Foto: Divulgação

 

“Tivemos no jantar 17 senadores a demonstrar a comunhão e a convergência que vai sendo amplificada em torno do nome do presidente Lula e pela força dos argumentos, fundamentalmente naquilo que encaramos como indispensável, que é consolidar as conquistas em termos de apoiadores aos nossos projetos convergentes”, destacou Veneziano, sobre o encontro.

 

Sobre o apoio de Lula à sua pré-campanha, anunciado pelo petista antes mesmo de Veneziano se lançar pré-candidato a governador da Paraíba, Veneziano reiterou que ele ocorreu de forma participativa e democraticamente decidida.

 

“O apoio ao nosso projeto conjunto ocorre de forma muito solícita, parceira, leal. O presidente Lula apoia o projeto que ele ajudou decisivamente a consolidar na Paraíba, que foi a parceria do PT com Ricardo Coutinho para o Senado e nosso nome para o Governo do Estado. Essa parceria foi reafirmada e consolidada na conversa que mantivemos ontem, eu, a senadora Nilda Gondim, o senador Randolfe Rodrigues (Coordenador Nacional da campanha do PT) e o presidente Lula. Não haveria apresentação minha e de Ricardo Coutinho como pré-candidatos na Paraíba se não houvesse um apoio decisivo de Lula”, reafirmou Veneziano.



Foto: Divulgação

 

Acampamento Terra Livre

 

Ao participar do Acampamento Terra Livre, Veneziano discursou aos presentes e falou sobre a importância do ato. Ele agradeceu o convite de Lula para acompanhá-lo e se colocou à disposição das causas indígenas para, na qualidade de Vice-presidente do Senado Federal e de pré-candidato a governador da Paraíba, contribuir para a defesa dos povos indígenas no Brasil, lembrando que, na Paraíba, existe uma comunidade indígena muito importante e representativa.

 

No território paraibano encontram-se aproximadamente 16 mil indígenas, das tribos Potiguara e Tabajara, representando 0.43% do total da população do Estado. O povo Potiguara vive no Litoral Norte, com uma população de aproximadamente 15 mil indígenas, de acordo com o censo da Funasa (2011), distribuídos em 32 aldeias localizadas nos municípios de Baía da Traição, Marcação e Rio Tinto.

 

O povo Tabajara vive no Litoral Sul, com uma população superior a 750 indígenas, segundo Mura (2010), distribuídos em 4 aldeias localizadas nas terras das antigas Sesmarias de Jacoca e Aratagui nos municípios de Conde, Alhandra e Pitimbu.

 

Esta é a 18ª edição do ATL e a maior mobilização indígena até hoje, que reúne cerca de 8 mil pessoas em Brasília, entre os dias 4 e 14 deste mês. Com o mote, ‘Retomando o Brasil: Demarcar Territórios e Aldear a Política’, a campanha deste ano busca aumentar a representação política dos povos indígenas nos espaços de poder.

 

As visitas de Lula e de Veneziano ao acampamento tiveram o objetivo de reafirmar o compromisso de ambos com as causas indígenas, sobretudo no que se refere à demarcação das terras e de ações nas áreas da saúde e educação – Assessoria.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas