....
....

17/01/2019

Paraíba recebeu quase 2 milhões de turistas em 2018, um aumento de 1,42% em relação a 2017, revela pesquisa da PBTur


A rede hoteleira do Destino Paraíba recebeu um total de 159.218 hóspedes no mês de dezembro, resultado 3,59% maior que o mesmo período de 2017. No acumulado do ano, o Fluxo Estimado registrou 1.858.927 hóspedes, um aumento de 1,42% frente ao ano anterior. Os dados constam de pesquisa mensal do Fluxo Global de turistas para o estado realizada pelo Setor de Estatísticas da Diretoria de Fomento da Empresa Paraibana de Turismo (PBTur), divulgada nesta quinta-feira (17).

 

O levantamento mensal da PBTur revela, também, que a rede hoteleira da capital paraibana, que possui o maior número de quartos/leitos no Estado, registrou em dezembro uma ocupação de 68,38% dos quartos disponíveis. Ao longo do ano passado, o levantamento apontou um crescimento de 1,34% no número de turistas que visitaram João Pessoa. Ao todo, a capital paraibana recebeu 1.259.310 hóspedes em sua rede hoteleira, sendo 114.180 em dezembro.



 

Na avaliação da presidente da PBTur, Ruth Avelino, os números são positivos e revelam que, apesar da crise econômica no país, o turismo paraibano terminou o ano de 2018 com excelentes perspectivas para 2019. “Claro que temos que ficar satisfeitos. O país está passando por um quadro de recessão econômica, no qual as famílias ficam entre a cruz e a espada: viajar ou reduzir gastos. Foi, sim, um crescimento pequeno, positivo, que mostra que estamos no caminho certo de divulgarmos sempre nosso estado em todas as feiras, eventos e capacitações de agentes de viagens”, comemorou.

 

Litoral Sul

 

Nessa primeira semana de janeiro, a rede hoteleira do município do Conde, no litoral sul do Estado, comemora os índices de ocupação. A Costa do Conde tem instalada cerca de 40 meios de hospedagem, entre hotéis e pousadas, totalizando aproximadamente 3 mil leitos e vem recebendo um fluxo significativo de turistas  neste período.

 

Para Ruth Avelino, a Costa do Conde é um destino que vem se consolidando e com isso atraindo investimentos da rede hoteleira. Ela também destaca o investimento feito pelo Governo do Estado na infraestrutura que beneficiou o turismo local. “Há de se destacar a parceria entre o Governo do Estado e prefeitura do Conde. Com uma boa infraestrutura, houve um investimento por parte dos empresários da hoteleria e de serviços. Desta forma o destino vai se consolidando”, explicou.

 

Origem do Fluxo

 

A pesquisa da PBTur apontou os principais Estados emissores de turistas para o Destino Paraíba no ano de 2018. O estado de São Paulo lidera com 21,69% de incidência, seguido por Pernambuco com 18,27%, Rio Grande do Norte (9,53%), Rio de Janeiro (7,00%) e Minas Gerais (6,79%). A região Nordeste apresentou uma incidência de  42,73% do Fluxo, seguida do Sudeste com 35,98%; Centro-Oeste ( 10,71%); Sul (8,54%); e  Região Norte (2,03%).

 

O Fluxo de turista estrangeiro registrou no ano de 2018 um aumento de 46,89% frente ao ano de 2017. Os principais países emissores foram: Argentina (35,24% de incidência), Portugal (11,23%), Estados Unidos (11,21%), Alemanha (5,86%) e Itália (5,62%) – Secom-PB.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas