....
....

01/04/2019

Enem 2019 abre processo para solicitar isenção de taxa de inscrição. Veja quem tem direito e como proceder


A partir desta segunda-feira (1º), os candidatos do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 podem solicitar a isenção da taxa de inscrição, de R$ 85. O prazo termina em 10 de abril. A informação foi publicada pelo portal G1.

 

Segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), terão direito à gratuidade:

 

- estudantes que estejam cursando o último ano do ensino médio na rede pública;

 

- candidatos que tenham cursado todo o ensino médio em escola da rede pública ou como bolsistas integrais na rede privada, com renda per capita igual ou inferior a um salário mínimo e meio;

 

- aqueles que declararem estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica, por serem membros de família de baixa renda, e que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico).



 

Em todos esses casos listados acima, o participante deverá ter documentos que comprovem a condição declarada. Informar dados falsos pode acarretar a eliminação no exame.

 

Aqueles que pleitearem a isenção saberão do resultado em 17 de abril, no site do Enem. É importante lembrar que, mesmo conseguindo esse benefício, o candidato não estará inscrito automaticamente no Enem. Ele precisará, assim como os demais, fazer a inscrição regular.

 

Justificativa de ausência

 

Caso o estudante tenha conseguido a isenção em 2018 e faltado aos dois dias de prova, precisará justificar sua ausência entre as 10h do dia 1º de abril às 23h59 do dia 10 de abril, na página oficial do Enem. Neste link, há a lista de documentos aceitos para comprovar a necessidade de ter faltado à prova.

 

Caso a justificativa seja recusada ou sequer informada, o candidato terá de pagar a taxa de inscrição em 2019.

 

Inscrições

 

As inscrições para o Enem deverão ser feitas de 6 a 17 de maio.

 

Aqueles candidatos que precisarem pagar a taxa de inscrição deverão quitá-la entre os dias 6 e 23 de maio, em agências bancárias, casas lotéricas e correios.

 

Estrutura da prova

 

No primeiro dia de prova, em 3 de novembro, serão aplicadas as provas de:

 

- linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e ciências humanas e suas tecnologias.

 

- duração: 5h30

 

No segundo domingo, dia 10 de novembro, será a vez das questões de:

 

- ciências da natureza e suas tecnologias e matemática e suas tecnologias.

 

- duração: 5h

 

Novidades na edição de 2019

 

Nesta edição do exame, os lanches levados pelos candidatos serão revistados. Além disso, haverá as seguintes novidades:

 

- novo sistema de inscrição;

 

- inclusão opcional de foto na inscrição;

 

- espaço com linhas para rascunho da redação;

 

- espaço para cálculos no final do caderno de questões;

 

- surdos, deficientes auditivos e surdocegos poderão indicar, na inscrição, se usam aparelho auditivo ou implante coclear.

 

Calendário

 

Pedido de isenção: 1º a 10 de abril

 

Justificativa de ausência no Enem 2018: 1º a 10 de abril

 

Resultado da solicitação de isenção: 17 de abril

 

Solicitação de recursos caso a isenção seja negada: 22 a 26 de abril

 

Pedido de atendimento especial: 6 a 17 de maio

 

Pedido de uso de nome social: 20 a 24 de maio

 

Pagamento da taxa de inscrição: 6 a 23 de maio

 

Inscrições: 6 a 17 de maio

 

Provas: 3 e 10 de novembro

 

Gabarito: 13 de novembro

 

Resultado individual: janeiro de 2020

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas