....
....

02/06/2019

Em Areia, Sintab barra pauta bomba para servidores do magistério e garante aprovação de insalubridade para ACE e ACS


O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Agreste e da Borborema (Sintab) conseguiu barrar no município de Areia, durante sessão realizada na Câmara Municipal, e junto com o servidores do magistério, a aprovação de um Projeto de Lei (PL) de autoria do prefeito João Francisco Batista, que causaria grandes perdas nas progressões dos Planos de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR). A instituição também garantiu, com o empenho dos agentes de combate às endemias (ACE) e agentes comunitários de saúde (ACS), a aprovação, por unanimidade, do PL que concede o adicional de insalubridade para as duas categorias.

 

O presidente do Sintab, Giovanni Freire, detalhou as perdas para os servidores do magistério.



 

“Os servidores foram convocados pelo Sintab a participar da sessão na Câmara Municipal para participar da apreciação dos projetos. No caso do magistério, a categoria tem um anseio para um reajuste que foi anunciado de 5% pelo prefeito, porém o projeto encaminhado pelo prefeito, traz atrelado a ele perdas maiores do que o está sendo oferecido como reajuste, que seriam as perdas nas progressões dos Planos de Cargos, ou seja, não contemplou a categoria”, reforçou.

 

Por esta razão, ainda segundo o presidente, o Sintab encaminhou junto com os efetivos que estiveram na câmara, solicitação para que o projeto fosse rejeitado e o que o prefeito enviasse um novo projeto, apenas com o reajuste de 5%, sem que haja nenhuma retirada de direitos.



 

Sobre os ACE e ACS, Giovanni explicou que o PL original contemplava apenas a primeira categoria, mas emendas aprovadas pelos vereadores estenderam o benefício também aos ACS. “Houve emendas por parte dos vereadores, através da mobilização dos próprios ACS, que foram também incluídos no projeto, aprovado por unanimidade. Então na noite desta quinta o Sintab garantiu que não fossem retirados direitos dos servidores do magistério e garantu também os direitos dos ACE e dos ACS”, finalizou.

 

Agora, o Sintab aguarda e irá cobrar o envio, por parte do prefeito João Francisco, do novo projeto para os servidores do magistério, contemplando o reajuste de 5%, mas sem prejuízos na carreira, ou seja, no PCCR – Assessoria.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas