....
....

18/06/2019

Após 20 anos, Ratinho e SBT terão que pagar indenização a dois padres por ‘fake news’ exibida no programa


O programa do Ratinho, da emissora SBT, terá que pagar uma indenização por danos morais a 2 padres da cidade de Astorga, no Paraná. Os clérigos receberão do apresentador e da emissora R$ 400 mil por reportagem falsa veiculada no programa em 1999. As informações foram publicadas em reportagem do jornal O Globo no domingo (16.jun.2019).

 

A história falava que 1 morador da cidade de Astorga (Paraná) havia largado a mulher para ir morar com o padre que celebrou seu casamento. Além da notícia não ser verídica, o programa de Ratinho no SBT exibiu a imagem de um outro padre.



 

Os 2 padres processaram a emissora e ganharam. O STJ (Superior Tribunal de Justiça) definiu que tanto o Ratinho quanto o SBT devem pagar R$ 200 mil, totalizando R$ 400 mil para a causa – Poder 360.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas