....
....

01/12/2020

Rússia libera primeiro lote da vacina contra a Covid-19 e população já começou a ser imunizada no país


A Rússia entregou o primeiro lote conhecido de vacinas contra coronavírus Sputnik V para uso civil a um hospital no sul de Moscou, que disse nesta segunda-feira (30) que começou a vacinar a população local na semana passada.

 

O país, que corre para acompanhar farmacêuticas ocidentais na busca por uma vacina contra coronavírus, disse que resultados provisórios de testes mostram que a Sputnik V tem 92% de eficácia na proteção das pessoas contra a Covid-19.



 

O Hospital Municipal Central de Domodedovo disse em seu site que moradores que quiserem se vacinar têm que se registrar com antecedência em um site do governo e levar consigo um resultado de exame negativo de Covid-19, além de documentos de identidade, no dia da inoculação.

 

Os casos de coronavírus dispararam na Rússia a partir de setembro, mas as autoridades resistem à adoção de um lockdown rígido e dizem que medidas específicas bastam para lidar com a crise.

 

Autoridades confirmaram 26.338 casos novos de coronavírus nesta segunda-feira, sendo 6.511 em Moscou e 3.691 em São Petersburgo, o que eleva o total nacional a 2.295.654 desde que a pandemia começou.

 

Elas também relataram 368 mortes nas últimas 24 horas, o que eleva o total oficial de fatalidades a 39.895 – Reuters.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas