....
....

26/12/2020

Infectologista vê preocupação com reação da população brasileira: “parece que todo mundo perdeu o medo da doença”


Devido à queda na taxa de isolamento social e ao aumento de casos, óbitos e ocupação dos leitos de UTI por conta do novo coronavírus, o infectologista Marcelo Otsuka acredita que "todo mundo perdeu o medo" da doença.

 

Em entrevista à CNN nesta quarta-feira (23), o especialista apoiou a decisão do governo de São Paulo de restringir ainda mais as medidas de isolamento social durante o Natal e Ano Novo no estado para conter o avanço da pandemia.



 

Com o anúncio realizado na terça-feira (22), apenas serviços essenciais poderão funcionar durante as janelas de 25, 26 e 27 de dezembro e 1, 2 e 3 de janeiro. A região de Presidente Prudente, excepcionalmente, voltará para a fase vermelha para controlar o avanço da doença no local, que está com 83,1% dos leitos ocupados.



 

No entanto, na avaliação de Otsuka, as medidas só serão eficazes se a população segui-las. "A resposta seria melhor se o povo continuasse respeitando e obedecendo as regras de higiene, distanciamento social e o uso de máscaras. Talvez nós não precisássemos voltar atrás com tanta intensidade se esse respeito tivesse acontecido." – CNN.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas