....
....

30/03/2021

Celebrações pelo sétimo dia de falecimento do jornalista Juarez Amaral ocorrerão nesta quarta, na Catedral e no Rosário


Familiares e amigos celebram nesta quarta-feira (31) o sétimo dia de falecimento do jornalista Juarez Amaral de Medeiros. Para proporcionar uma maior oportunidade de participação, serão celebradas duas missas e, por conta da pandemia do novo coronavírus e para atender ao Decreto Estadual em vigor, as celebrações ocorrerão sem a presença física dos fiéis, mas com transmissão ao vivo.

 

A primeira celebração será às 6h35 desta quarta-feira, na Catedral Diocesana de Nossa Senhora da Conceição, celebrada pelo Padre Luciano Guedes do Nascimento Silva, Pároco da Catedral e Vigário Geral da Diocese, com transmissão ao vivo pelo Youtube, através do canal da Catedral (catedralcg) e pela Rádio Caturité FM, 104.1, emissora onde Juarez trabalhou por muitos anos.

 

A segunda celebração ocorrerá na Igreja de Nossa Senhora do Rosário, no bairro da Prata, às 18h, com transmissão ao vivo pelo Youtube, através do canal da igreja (Paróquia do Rosário), celebrada pelo Padre Márcio Henrique Mendes Fernandes, Pároco do Rosário.

 

Quem foi Juarez Amaral

 

Juarez Amaral de Medeiros era natural de São João do Cariri e faleceu aos 70 anos no último dia 25, vítima de complicações da Covid-19. Uma semana antes, ele estava fazendo sua habitual caminhada, à tarde, no Açude Velho, quando passou mal e foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, sendo levado para o Hospital Pedro I, onde uma tomografia constatou que seu pulmão estava comprometido em aproximadamente 75% a 80%.

 

Com o diagnóstico da Covid-19 confirmado, Juarez passou uma semana internado na Unidade de Terapia Intensiva – UTI do hospital, sedado e entubado. Porém, seu estado de saúde, que havia melhorado nos primeiros dias, acabou se agravando, ocasionando a sua morte no dia 25. O corpo do jornalista foi sepultado no Cemitério Campo Santo Parque da Paz, em Campina Grande, após um cortejo que passou pelas emissoras onde o profissional trabalhou, no centro de Campina Grande.



 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas