....
....

12/04/2021

Marido de apresentadora de televisão recebe alta após um ano internado com diagnóstico de Covid-19


Kate Garraway não conseguiu segurar a emoção ao anunciar que Derek Draper, seu marido, finalmente retornou para casa. Na manhã desta sexta-feira (9), durante seu programa na TV britânica, o “Good Morning Britain”, a artista revelou como foram os primeiros momentos com o companheiro de volta ao lar.

 

“Quando estava colocando os pratos, percebi que estava colocando quatro e… isso me faz chorar agora! Parece o início de um grande capítulo, mas realmente grande e importante”, relatou ela, que tem dois filhos com Derek: Darcey e Billy, de 15 e 11 anos, respectivamente.



 

O reencontro dos herdeiros com o pai, inclusive, foi para lá de emocionante. “Quando paramos [na casa], pude ver dois rostinhos, de Darcey e Billy, olhando pela janela e pude literalmente vê-los dizer: ‘Ele está aqui!’ Eles correram para fora e abriram a porta. Ele imediatamente começou a chorar, houve muitos abraços e ele entrou. Ele sabia que estava em casa”, detalhou ao “The Sun”.

 

A internação

 

Derek Draper precisou ser hospitalizado, com dificuldade para respirar, em 30 de março de 2020. Após isso, foi intubado e depois colocado em uma forma de coma.

 

Após o procedimento, somente em outubro o marido da apresentadora pronunciou sua primeira palavra. Na ocasião, ele disse “dor”, para revelar seu desconforto.

 

Na mesma época, os médicos avisaram Kate de que o companheiro havia sido “afetado universalmente”, tendo o coração, os pulmões, o fígado, pâncreas e rins atingidos pela Covid-19.

 

Com o corpo todo tomado pela doença, chegou-se até a cogitar que Draper ficasse em estado semi-vegetativo para sempre, caso sobrevivesse.

 

Sequelas

 

Embora fora do hospital, Derek, que tem 53 anos, deverá continuar o tratamento em casa. O local, inclusive, foi adaptado para que ele receba os cuidados necessários.

 

“Eles [médicos] notaram que sua cognição e consciência haviam estagnado e que as limitações estavam retrocedendo nos últimos meses. Derek é um caso único. Os especialistas estão agora procurando maneiras únicas de dar a ele todas as chances de ter a melhor recuperação, e concordam que estar cercado por sua esposa, Kate, e seus dois filhos é vital para alcançar esse objetivo. A esperança é que, ao melhorar sua saúde mental – o que certamente vai acontecer por estar cercado por seus entes queridos – a saúde física também será significativamente melhorada”, revelou um amigo da família – Famosidades.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas