....
....

16/05/2021

Juntos há 50 anos, casal morre de Covid-19 num intervalo de 24h: “um não partiria sem o ouro”, disse filho


O casal de empresários Zenilda Muniz de Oliveira e Heitor Antonio de Oliveira Junior, ambos de 69 anos, morreu de Covid-19 com menos de 24 horas de diferença, e foi sepultado junto em Itanhaém, no litoral de São Paulo, de acordo com informações do G1.

 

“Eram muito unidos e apaixonados. Um não partiria sem o outro”, afirmou em entrevista ao G1, neste sábado (15), o técnico em telecomunicações Heitor Antonio de Oliveira Neto, de 39 anos, um dos filhos do casal.



 

De acordo com a reportagem, Zenilda e Heitor estavam juntos há 50 anos, tendo 42 anos de casados.

 

Ao G1, Heitor Junior afirmou que que o irmão foi o primeiro a ter os sintomas do novo coronavírus, seguido da mãe. O pai, inicialmente, testou negativo para Covid-19, mas, uma semana depois da família, o empresário também passou a ter os sintomas da doença e foi positivado.

 

“O médico relatou que a parada cardíaca da minha mãe foi uma surpresa, porque ela estava melhorando, e pela manhã daquele dia, estava bem. Mas, depois, teve um momento febril e uma parada cardíaca, e morreu. Eu acho que ela partiu porque realmente não viveria sem ele, e sentiu que ele havia partido. Fazendo uma alusão ao amor verdadeiro, nenhum abandonou o outro, nem na doença”, disse o filho ao G1 – Istoé.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas