....
....

23/05/2021

Defensora da ciência, médica anunciada há 10 dias para comandar Secretaria de Combate à Covid-19 desiste do cargo


A médica Luana Araújo, anunciada há cerca de 10 dias pelo ministro da Saúde Marcelo Queiroga para comandar a recém-criada Secretaria Extraordinária de Enfrentamento à Covid-19 desistiu do cargo. A informação foi confirmada neste sábado (22) pelo Ministério da Saúde.



Foto Marcello Casal jr/Agência Brasil

 

Em nota, o ministro Marcelo Queiroga disser que já está à procura de outra pessoa para ocupar a função. “A pasta busca por outro nome com perfil profissional semelhante: técnico e baseado em evidências científicas”, disse ele.

 

Defensora da ciência como norte para as ações de enfrentamento à Covid-19, a médica Luana Araújo não explicou os motivos pelos quais desistiu de comandar a secretaria. O governo chegou a ser duramente criticado por criar uma secretaria específica para combate à Covid-19 depois de mais e um ano de pandemia.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas