....
....

14/06/2022

Morre aos 71 anos em Campina Grande Carlos Alberto “Xapéu”, ícone da imagem e da propaganda


Faleceu na madrugada desta terça-feira (14) em Campina Grande o cinegrafista Carlos Alberto “Xapéu”, aos 71 anos. Ele vinha sofrendo problemas cardíacos e, nesta madrugada, passou mal e foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento – UPA no bairro do Alto Branco. Com diagnóstico de Covid-19, seu quadro se agravou e ele não resistiu.

 

Carlos Alberto recebeu o apelido de “Xapéu” por conta de um chapéu característico que sempre usou. Ele foi um dos primeiros profissionais do vídeo em Campina Grande. Atuou como cinegrafista na TV Borborema e também fundou a sua própria empesa, a “Xapéu Vídeos”.



Fotos: Reprodução/Facebook

 

Na década de 80, ficou bastante conhecido na cidade por conta de uma campanha publicitária na TV em que aparecia divulgando uma loja de produtos eletrônicos com o famoso bordão “Eu quero é som”.

 

Nas redes sociais, vários amigos e familiares manifestaram seu sentimento de pesar pelo falecimento de “Xapéu”. “Perdi meu maior exemplo, o melhor pai, o melhor avô, melhor esposo e melhor cozinheiro... Reze por nós daí de cima que eu não sei como serão os próximos dias sem sua presença”, declarou Flávia Sousa, filha de Carlos Alberto.

 

O corpo de “Xapéu” será sepultado na manhã desta terça, no Cemitério Campo Santo Parque da Paz, na Alça Sudoeste.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-
Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas