....
....

01/05/2019

Em Campina Grande: Polícia prende “Coquetel”, único sobrevivente de quadrilha que matou duas pessoas no Jardim Continental


Mais uma prisão foi efetuada pela Delegacia de homicídios da cidade de Campina Grande, nessa segunda-feira (29). Segundo informações da delegada Suelane Guimarães, foi dado cumprimento a mandado de prisão temporária em desfavor de Rodolfo Felipe Pereira, conhecido como “Coquetel”, apontado como um dos autores do homicídio de Clodoaldo Garcia dos Santos, conhecido como “Dodô”.

 

De acordo com as investigações da Delegacia de Homicídios de Campina Grande, Dodô foi morto com diversos disparos de arma de fogo de calibres diferentes na noite de 16 de janeiro de 2018 na rua Antônio Alves de Lima, no bairro do Jardim Continental.

 

Ainda segundo a delegada Suelane Guimarães, outros comparsas participantes do crime já foram assassinados e “Coquetel”, que é o único sobrevivente, agora segue preso por força de mandado judicial expedido pelo 2º tribunal do júri.

 

“Coquetel também participou do homicídio que vitimou Jordânio Bernardo da Silva, fato acontecido no dia 1° de agosto de 2018, no mesmo bairro do Jardim Continental. Agora, aguarda na carceragem da Central de Polícia sua apresentação para audiência de Custódia”, concluiu – Secom-PB.

 

Carlos Magno

 

VEJA TAMBÉM:

Cheirar pum pode prevenir câncer, AVC, ataque cardíaco, artrite e demência, diz estudo de universidade do Reino Unido

- Assassinato de moradores de rua em Campina Grande-PB gera comoção: radialista faz artigo em homenagem a "Maria Suvacão"

- UEPB vai ganhar curso de Medicina no campus de Campina Grande. Veja detalhes

-Cliente que passar mais de 20 minutos em fila de banco na Paraíba receberá indenização

- Jovem forja a própria morte para saber "quais pessoas se importariam com sua ausência" e vem a público pedir desculpas